Início Seguros 8 dicas que ajudam poupar no seu seguro

8 dicas que ajudam poupar no seu seguro

Apresentamos algumas dicas que ajudam poupar no seguro, que podem ser aplicados a todos os tipos: seguro de vida, casa, carro, dentre outros.

Atualmente, parece haver uma cultura de seguro: mesmo que compremos celulares, câmeras ou equipamentos, as pessoas sempre nos perguntarão se queremos vinculá-los a um seguro.

No entanto, os mais empregados pelas famílias ainda são os seguros de automóveis, vida, família e saúde.

Portanto, é recomendável que você aprenda algumas dicas de economia de seguro para reduzir a divisão dos custos em seu orçamento.

Saiba como poupar ao contratar qualquer tipo de seguro

Independentemente do seguro, você deve considerar se ele é adequado para você e sua família. Claro, alguns deles são essenciais, assim como o seguro de automóveis, mas mesmo nesses casos é importante verificar se a cobertura foi ajustada.

1. Sempre procure analisar condições contratuais do seguro

Analise cuidadosamente as condições do contrato para avaliar se o valor pago atende às suas necessidades reais.

Para isso, deve refletir da seguinte maneira:

  • A cobertura faz sentido para mim?
  • Costumo usar certos serviços de saúde?
  • Sempre deixo meu carro na rua?
  • Quais são os riscos do meu plano de compra de seguro?

Pensar dessa forma pode ajudá-lo a economizar dinheiro em seguros.

2. Ao contratar prefira o essencial do seguro

Após a análise sugerida no ponto 1, faça uma escolha razoável para evitar pagar por coisas que você não usa e evitar ser afetado por políticas maiores e, portanto, mais caras.

Nota importante: Se você vai ao dentista várias vezes por ano, o valor da consulta pode ser menor que o seguro.

Se o seu carro está sempre na garagem, em casa ou no escritório, você pode retirar alguns itens do seguro, como o seguro contra fenômenos naturais ou vandalismo.

Antes de prosseguir, leia atentamente as condições do seu seguro e execute cálculos matemáticos.

3. Cuidado para não pagar duplicado pelo seguro

Alguns seguros cobrem os mesmos riscos, então você pagará o dobro de taxas imprecisas. Até porque a compensação não é cumulativa. Preste atenção a esta situação!

4. Pagar anual ou mensalmente?

Às vezes, pagar a anuidade é mais barato do que optar pelo pagamento mensal ou semestral. Confirme se este é o caso, execute cálculos matemáticos e selecione a situação mais favorável.

5. Pagar por débito ou á vista

Como no item 4, se você optar por pagar o seguro diretamente, também existem seguradoras que oferecem condições preferenciais.

Verifique se isso aconteceu com a sua seguradora, se vale a pena, mude a situação e economize no seu seguro.

6. Optar pelas seguradoras “low cost”

Na verdade, em termos de preço, existem sim algumas seguradoras que lançaram campanhas muito atraentes.

Geralmente são seguradoras que oferecem serviços online ou telefônicos porque sua estrutura é mais barata e podem desfrutar de preços elevados.

Se você conseguir se livrar das amarras do conceito tradicional de agência ou mediador, então aqui está a maneira de economizar em seguro.

7. Escolher mediador ou balcão?

Bem, se você não gosta do item 6, você ainda pode escolher um mediador ou ir ao balcão do agente.

No entanto, um corretor de seguros também pode ajudá-lo a economizar dinheiro porque normalmente você pode obter preços melhores em comparação com o balcão.

Dessa forma, você também pode contar com atendimento personalizado para obter com mais facilidade o seguro que melhor atenda às suas necessidades.

8. Juntar seguros

Cadastre seu seguro com a mesma seguradora (vida, casa, carro, outro). Se você comprar embalagens de produtos, muitas seguradoras oferecem descontos.

Mais uma vez, compare essas situações online, faça cálculos matemáticos e se indenize sob as cotações de intermediários e intermediários, e concentre toda sua energia na mesma seguradora.

Se você está procurando a melhor maneira de economizar em seguro, siga essas dicas que apresentamos. Faça anotações e coloque em prática para economizar mais.

dicas que ajudam poupar no seu seguro

O que deve saber antes de ter um seguro de vida

Se ocorrerem eventos imprevistos, o seguro de vida é uma garantia financeira. Mas o que você deve saber antes de comprar um seguro de vida? Saber a resposta.

O que você deve saber antes de comprar um seguro de vida? Esta é uma pergunta a fazer antes de comprar qualquer seguro.

Caso ocorra um imprevisto, a compra de um seguro de vida pode representar um meio decisivo de segurança financeira.

Ao contrário da crença popular, o seguro de vida não cobre apenas a morte do segurado, mas também protege sua família ou parentes próximos.

Em primeiro lugar, de acordo com a Insurance and Pension Fund Administration, “seguro de vida” é o seguro que garante a morte ou sobrevivência (ou ambas) de um ou mais segurados como seguro principal.

Como complemento, pode também incluir o risco de invalidez, acidente ou desemprego. Esse seguro é geralmente fornecido por instituições bancárias, por exemplo, empréstimos vinculados a empréstimos habitacionais.

1. Avalie as suas necessidades concretas antes de contratar seguro de vida

Se você precisa sustentar sua família ou o salário é essencial para a estabilidade financeira de sua família, o seguro de vida pode ser uma boa escolha.

Da mesma forma, se houver um acidente, avalie se você tem dívidas e os encargos recairão sobre seu cônjuge e filhos, pois a morte prematura tem um grande impacto na estrutura familiar.

2. Compare os diferentes tipos de coberturas

Existem diferentes tipos de seguro, portanto, a este respeito, o que você deve entender antes de fazer um seguro de vida é a garantia que todos podem lhe oferecer.

Ou seja, o seguro de vida não atua apenas preventivamente em caso de morte acidental, mas também exige um travesseiro econômico em caso de invalidez.

Nesse sentido, avalie se o seguro que pretende contratar cobre apenas morte, ou pode ser ativado em outras circunstâncias, e qual seguro é mais significativo para sua situação particular. Realize simulação e garanta a melhor proteção no futuro.

3. Assegure-se que está na posse de todas as informações necessárias

Antes de adquirir um seguro de vida, verifique se a seguradora forneceu a você todas as informações necessárias, a saber:

  • Coberturas incluídas e correspondentes prêmios de seguros, bem como o capital garantido de eventuais coberturas;
  • As despesas suportadas pelo segurado e quando serão cobradas;
  • O valor do resgate, redução e multa; Você pode desfrutar de benefícios fiscais.

4. Faça questão de saber quais são as exclusões

Geralmente, o seguro de vida não cobre esportes radicais e deficiência de baixo nível, portanto, antes de comprar um seguro de vida, você deve entender que ele não pode proteger todas as situações e circunstâncias imprevistas.

Nesse sentido, você deve compreender este assunto específico para não obscurecer termos que possa considerar injustos no futuro. Cada seguradora pode ser específica neste nível ao definir contratos.

Certifique-se de executar uma simulação para entender qual seguro de vida é melhor para suas necessidades.

Veja Ainda: 5 Hábitos necessários para ter uma vida financeira saudável